pergola canalfotofotofototopopinacotecaorquidarioorqemissariootakeleaobolsaingacopa

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.7/5 (1704 votos)




ONLINE
1





--------------------------------

Visitantes até o momento:


O SEXÃO SEXACIONAL E OS INOCENTES EMBALOS DE SÁBAD
O SEXÃO SEXACIONAL E OS INOCENTES EMBALOS DE SÁBAD

SEXÃO SEXACIONAL E  AS INOCENTES NOITES DE SÁBADO

 

Os anos 80, em plena ditadura dos generais de plantão foram os “anos sexuais”. A repressão política empurrava os  jovens para um uníssono de uma revolução sexual que tinha muito pouco de sexo.

O comportamento  era de uma arquitetura machista que se travestia de um comportamento  de exibir o mesmo socialmente nem que o mesmo não tivesse ecos nos núcleos da vida real da rapaziada. As coisas podiam mudar mas ainda eram as mesmas. Sem  celulares, computadores e redes sociais. Um apagão permanente e forçado nas comunicações.

Nas telas consumia-se coisas como filmesnacionais que chegavam a exibir como mercandish o certificado da jusiça federal taxando o filme para maiores de 18 , até 21 anos com o certificado de pornográfico. Pura enganação, pois após o AI-5 a censura não permitia nada assim, nem com as conhecidas bolinhas pretas.

A enxurrada de besteiras tinha coisas como A viuva virgem, A dama do lotação, Amor estranho amor, A superfemea, A noite das taras e a lista é longa...

E na TV o humor debochado e sexualmente comprometido de Jô Soares, além de rebolantes chacretes e entrevistas quizz. É claro que muito disto era sintomas de uma auto defesa sufocada pela censura e tudo o mais. Havia muito mais sob a superfície.

As bocas era o descarregar das ansiedades muito embora já estivesse um tanto decadente. A boca já fora muito procurada e atá bem frequentada por políticos famosos, empresários e  oSrestaurantes e casas de diversão como La Barca, Love Story,ABC, Las Vegas. O The Fugitive no Paquetá conhecido pela boate tinha um cinema 24h. Os filmes eram ditos pornográficos e durante os intervalos mulheres seminuas exibiam-se no palco diante da tela. Uma overdose para ninguém botar defeito.

O cinema Indepêndencia, antigo cinema da Praça Independência que virou Bingo após tentar uma exclusividade de só exibir filmes da 2oth Century Fox foi na esteira do Fugitive. Filmes pseudos pornô. Atraia mais gente que a intelectual sessão da meia-noite.

Ricardo era um colega, grande apreciador da Sexão Sexacional. Não costumava entretanto ir só. Dizia que era um vexame entrar na fila que se formava e ser apontado pelas pessoas que passavam em meio a grandes risadas. Assim muitas vezes eu o acompanhava.

Todo era um enorme tumulto e berreiro. A indocil plateia enchia dezenas e dezenas de preservativos como se fossem bexigas que atiravam pela sala. O fato porem foi uma bomba de festim que foi atirada dentro da cabine de projeção ensurdecendo o funcionário e interrompendo o filme que ninguem via.

O cinemaparou a projeção e chamou a ambulância para o projetista que tinha ensurdecido e em seguida a Polícia. A guarda evacuou o cinema e o público saiu sob as metralhadoras da PM.

Um grupo de vinte marujos aproximadamente e oseu  capitão recusam-se a deixar o cinema e a sua saída teve que ser reembolsada e negociada com a PM. Foram os últimos.

Saimos sob os flahes da imprensa que no dia seguinte anunciou a última sessão daquele gênero.

  

 

Voltar navback

 

 

 

topo